sexta-feira, 8 de junho de 2018

Sobre Relativismo Moral

O relativismo moral será a força que empurrará toda a sociedade para o abismo. A perda de absolutos morais conduzirá a humanidade para um oceano de incertezas e inversões de valores, essa é a condição necessária para que o mal prevaleça definitivamente no mundo, é suicídio espiritual querer mudar a natureza do erro, o mal não nunca muda a sua natureza, precisa ser evitado e combatido, de outra forma é a civilização que tolera o mal que será destruída.  No salmo 100:5 lemos "Porque o Senhor é bom, e eterna a sua misericórdia, e a sua verdade dura de geração em geração."(Clavio J. Jacinto)

quinta-feira, 7 de junho de 2018

A REALIDADE DAS AFLIÇÕES


Renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me (Mateus 16:24). Talvez muita gente tenha sido enganado com relação a fé cristã, ouvindo sermões de auto ajuda ou mensagens positivas, onde o homem encontra a solução para todos os problemas da vida abraçando a fé. Desde que o homem natural entende como problemas, dores, aflições, dificuldades, provações etc., de fato, ele se decepcionará, se abraçar a fé cristã e notar que até certos níveis, seus problemas se agravaram. Cristo ensinou que no mundo teremos aflições (João 16:33). Não quero desencorajar ninguém a não aceitar a salvação de Cristo e seguir o Salvador. Não há nada mais glorioso do que a consolação do Espírito Santo e viver sossegando a alma redimida nas promessas das Escrituras. Martin Lloyd Jones adverte: “Não há falácia maior do que imaginar que no momento em que um homem se converte, tornando-se crente, todos os seus problemas são prontamente são solucionados e todas as suas dificuldades desaparecem”. Isso porque o homem convertido já vai perceber ser o velho homem dentro dele um grande problema. O caminho da glória pode ter lagrimas, assim como o caminho do inferno, alegrias. Andar com as mãos no arado, não significa tirar férias no Caribe. Tomar a sua cruz, não significa flutuar em prazeres egocêntricos e negar-se a si mesmo é o oposto de subir níveis de sucessos pessoais para arrancar a admiração e a glória dos homens. Quando pregadores escondem isso das pessoas, estão sendo parciais. É muito fácil colocar as pessoas para dentro de um mundo de fantasias religiosas. E não é admirável que muitos vivam nessas fantasias, ainda que a bíblia ensine exatamente o contrario. É muito fácil ser induzido a ilusão de uma religião superficial, de faz de contas. As pessoas estão prontas a dizerem amém quando alguém proclama “Tudo posso naquele que me fortalece” porém negam-se a estudar o contexto dessa declaração. Preferem viver debaixo de fabulas, na fantasia do triunfalismo emocional. Que a vida espiritual que emana da verdadeira fé é uma benção maravilhosa, disso não temos duvidas. Que somos desafiados a batalhar e não descansar isso é um fato! Assim como declarações mais profundas como a de sermos reputados como ovelhas para o matadouro ser uma realidade bíblica, e jamais podemos evitar isso. Corremos com paciência a carreira que está proposta, os desafios são constantes, um cristianismo popular não é bíblico, se é bíblico, então não é popular. E já que no mundo teremos aflições, sejam as dores da vida, o selo que vai autenticar a nossa fé na providencia e na sabedoria de Deus.

Clavio J. Jacinto

Experiencia ou Escrituras?

Para um cristão bíblico: "Tua palavra é a verdade"( João 17:17) para um cristão mistico :"A minha experiencia é a minha verdade" 


(Clavio J. Jacinto)

Paciencia Prolongada


Guardar o Coração


Voz de Engano


Falsos Santos


Footer Left Content