sábado, 18 de março de 2017

A Aniquilação da Primeira Fé


I Timoteo 5:12

Em todo o Novo Testamento encontramos a idéia central de que o cristão deve ser vigilante e cuidadoso (Marcos 13:35 e I Timóteo 4:16) e que tenha um progresso através da purificação (II Coríntios 7:1) ou seja: um aperfeiçoamento progressivo e cuidado, a nossa meta é a medida da estatura de Cristo(Efésios 4:13)
Sempre costume dizer que “melhor do que ser um cristão, é ser um cristão ainda melhor”. A base da regeneração ou do novo nascimento é uma vida espiritual que cresce e progride até cgear ao nível da maturidade. É nesse nível que as nossas convicções ganham firmeza e a primeira fé torna-se irremovível (Veja II Tessalonicenses 2:2)
Em I Timóteo 5 Paulo está lidando com álbuns problemas da igreja, em sua carta pessoal ele fala a Timóteo sobre esses problemas e o modo como devem ser resolvidos. Um desses problemas envolve a questão da assistência as viúvas, tanto a nível pessoal quanto eclesiástico. Para que sejamos cristãos firmes, precisamos exercitar-se na piedade (I Timóteo 4:7) ou seja, temos que guardar o mistério da fé em uma consciência  pura (I Timóteo 3:9).
A primeira fé consiste no conjunto de sã doutrina na vida de piedade pratica. Paulo inicia a sua epistola anunciando que os lideres cristãos da igreja primitiva não deviam ensinar erros doutrinários ou numa melhor descrição: Outro evangelho. Isso significa que não deveriam ensinar doutrinas extrabiblicas ou ensinos opostos a revelação neotestamentaria.
A fé pode ser pervertida e devido a certas circunstâncias adversas, pessoas podem tornar-se levianas contra Cristo (I Timóteo 5:11) Agir contra e desfavoravelmente aos ensinos éticos das Escrituras é uma forma de romper-se da ortodoxia cristã, isso compromete a vida espiritual e o testemunho social.
A saída da esfera espiritual da obediência santa para uma vida secular e mundana aniquila a primeira fé de um cristão, e essa conduta pode trazer prejuízos enormes. Paulo falava, por exemplo, da ociosidade e falatórios inúteis das viúvas, e orienta que as pessoas ainda que estejam em dificuldades devem permanecer em um estado espiritual de cuidado, zelo e vigilância., para que o inimigo não encontre brechas. Veja que Paulo fala do extremo de um abandono da sã doutrina, advertindo que  alguns se desviaram, indo após satanás (I Timóteo 5:15).
A primeira fé é todo o conjunto de ensinos da Nova Aliança, inclusive aquelas que têm caráter moral. Essas doutrinas são inegociáveis. Devemos sofrer as aflições e as dificuldades dos momentos difíceis, mas não podemos permitir que sejam corrompidos o nosso entendimento com relação as verdades do evangelho., de outra forma vamos correr o risco de naufragar na fé (I Timóteo 1:19) Assim como Paulo pediu a Timóteo que exortasse os pregadores a não ensinarem doutrinas estranhas ao evangelho de Cristo (I Timóteo 1:3) é bem certo concluirmos que nós também não devemos viver de forma contraria aos ensinos do Novo Testamento.


Clavio J. Jacinto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Footer Left Content